Lesbro – você está fazendo isso errado


Contrariando todas as advertências de Valerie Solanas ainda acredito que é possível construir uma amizade “edificante” com os garotos heterossexuais. Mas… em alguns casos é preciso ter um pouco de paciência, haja visto que a novidade pode trazer aos mais entusiasmados pequenas doses de confusão.

Não pretendo com esse post enaltecer as vantagens de se ter uma lésbica como amiga ou, indo mais longe, diminuir de qualquer maneira a capacidade de heterossexuais em manter um relacionamento saudável com uma lésbica. Pelo contrário, gostaria de jogar luz sob algumas situações recorrentes que podem ser bem desagradáveis e gerar um certo desconforto.

Do começo, segundo o Urban Dictionary existe uma nova classe por aí: os Lesbros, como o próprio nome diz é o brother dazamiga dyke. Um lesbro é uma pessoa querida que respeita, tem boa convivência e é partidário das lésbicas. Confesso que durante esses 14 anos de lesbianice conheci poucos, mas eles existem.

Bom, mas pra ganhar realmente a estrelinha de Lesbro é preciso ter em mente alguns pontos importantes que escrevo a seguir. Lembrando que são apenas dicas para melhorar ainda mais esse tipo de relacionamento.

Querido Lesbro, sua amiga curte mulheres mas isso não quer dizer que você deve tratá-la como seu amigão. Papos que contenham temas como “peitinhos gostosinhos”, “bundinha apetitosa” e adjacências… bom, melhor evitar. E se você discute esses tópicos com teus amigos homens, essa é a hora de você começar a se referir às mulheres de maneira mais apropriada. É preciso lembrar que as lésbicas só são lésbicas porque, antes de tudo, são mulheres e ficar ouvindo esse tipo de coisa não é só desnecessário como revoltante.

Outra coisa que vocês devem se lembrar é que tapas nas costas, brincadeiras de socar e jogar no chão devem ser evitadas por motivos óbvios. Assim como desvios de comportamento, como arrotos e outras coisas mais, em qualquer relação de amizade que se preze não devem ser encorajados. Tudo vai depender do nível de intimidade que vocês construirem.

Sua amiga lésbica não é um guia universal de como entender as mulheres. Ok, problemas de relacionamento existem entre todos os tipos de casais mas não é porque agora você tem uma amiga dyke que você finalmente vai começar a ter dicas exatas de como se dar bem. Desapegue dessa ideia.

E para finalizar é preciso que se tenha muito claro em mente que não importa o quão fofo, carinhoso, respeitador e querido você seja, uma amizade com uma lésbica não vai garantir que no futuro talvez você consiga fazer sexo com ela ou aumentar as suas chances de fazer sexo com outras lésbicas. Se você tiver isso em mente ao começar uma amizade com uma lésbica, você está fazendo isso errado.

Anúncios

Etiquetas: , , ,

Uma resposta to “Lesbro – você está fazendo isso errado”

  1. Leandro Damasceno Says:

    Não interessa se é lésbica ou não, mulheres – até que façam por merecer o contrário – têm que ser tratadas com carinho, com respeito, decência e com gentileza. Não se trata de colocá-las todas num pedestal e admirá-las à distância, mas de entender que elas vivem num mundo muito mais complicado do que a gente.

    Olha só, eu sou homem, branco, heterossexual, estatura mediana. Posso viajar no tempo para praticamente qualquer época da história da humanidade civilizada que serei bem aceito. Mulheres ainda não conseguem isso em todos os ambientes nem hoje em dia. O mínimo que nós podemos fazer é ser gentis, decentes, respeitosos, carinhosos com elas. Com todas elas.

    E, claro, é por causa disso que eu não como ninguém…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: