Back in your Head

Tegan e Sara, qual é qual?

Tegan e Sara, qual é qual?

Quem aí conhece Tegan and Sara? Se não conhecem deveriam viu, o pop é honesto e de qualidade.  Eu sempre lia na internet sobre as irmãs canadenses que tinham uma banda e eram lésbicas e nunca me interessei. Até que um dia elas apareceram em um episódio de The L Word (ep.11 da 3ª temp.), que, aliás, eu amoooo. É aquele  em que Shane e Dana tomam um ácido e saem pra dar um rolê. Daí elas vão parar justamente num show das gêmeas, é hilário. Vejam esse trechinho delas cantando So Jealous aqui.

Então, gostei logo de cara e fui procurar, baixei todas as músicas e confesso que escuto bastante. As letras são legais, os arranjos idem, e as melodias grudam na cabeça de uma forma positiva e é tudo muito bem produzido. É aquela musiquinha pra descer a rua assobiando, sabe?

Tegan and Sara estão desde adolescentes na estrada e têm um som rock/pop bastante maduro – Maduras as duas também são quanto ao burburinho sobre sua sexualidade.

Em entrevista ao site afterellen Sara disse:  “Eu não entendi por que eles tinham que falar tanto sobre nós sermos gays. Mas depois pensei: ‘Não existem muitas pessoas por aí no mainstream que estão fazendo o que fazemos’. Eles têm que escrever sobre alguém primeiro.”

Há quem diga que elas são gatíssimas, morrem por elas, adoram as músicas e tem mais, além de pop elas são super políticas e engajadas. São assumidas sim, desde o início sim, e não ficam se escondendo igual outros tantos exemplos que todas nós sabemos.

Muita gente já deve saber tudo que escrevi até agora, mas o que quase ninguém sabe, uma vez que não se tem notícias sobre isso em blogs e jornais brasileiros (não que eu tenha achado, e olha que procurei bastante) foi de que uma outra banda, que eu também posso me considerar fã, escreveu uma música estúpida sobre elas, Creeping out Sara. Ainda continuo fã dos caras do NOFX, mas achei desnecessário o que fizeram. Muitos blogs norte-americanos e ingleses criticaram o NOFX, chamando-os de babacas punk rockers, skatistas estúpidos, entre os mais leves por fazerem uma música que ofende não só as gêmeas, mas toda a comunidade lésbica.

Larry Fitzmaurice escreveu: “Durante os três ridículos minutos da música, o vocalista do NOFX, Fat Mike, nos conta a história de como conheceu uma das irmãs no backstage de um festival na Alemanha, mas não era capaz de dizer qual das duas. Depois de notar que estava falando com Sara (ele ouviu que Tegan que era a mais legal) ele começa a tirar ela do sério perguntando se ela sabe alguém ali que vendia pílulas ou cocaína – e se ela e a irmã já pegaram juntas a mesma mulher, se já fizeram um à três! (affff!).

Fat Mike, olha a cara de otário dele.

Fat Mike, olha a cara de otário dele.

Pra mim esse som é um caso clássico de um cara que se sente idiota perto de uma lésbica, não sabe o que pensar ou como se comportar, provavelmente se sente inferior por não ter capacidade de entender a situação e então começa a atacar a sexualidade dela.

Ele ficou puto porque as meninas provavelmente pegam mais mulheres que ele. A música, não bastasse falar mal de lésbicas, ainda está recheada de pré-conceitos americanos idiotas, ele fala mal dos canadenses, depois ele se mostra um completo ignorante quando diz que é fã delas mas não conhece nenhuma musica, só as da K.D. Lang. O que eles pretendem é zoar mesmo a comunidade lésbica e principalmente Tegan and Sara.

Veja a letra super inteligente da música aqui, e a tradução. (valeu Loló!)

É o tipo de música que turminhas de meninos cantam, e não porque o som é bacana, e sim, porque de alguma forma fazem eles se sentirem mais homens.

O que me deixa chateada é que essa banda é muito legal, faz bastante sucesso e não precisava fazer esse tipo de coisa. Eles não são qualquer bandinha que fica loca pra tocar em festas de famílias e bar mitzvah por aí, eles sempre estão em turnê mundial, e se prestam a uma palhaça de pirralhos dessa?

NOFX #FAIL.

E as gêmeas nem responderam, não renderam o assunto nem nada. Apenas Tegan twittou : nofx + t/s = muitos emails/ligações/blogs/textos. eu acho o albúm punk in drublic muito bom. somos lésbicas. a sara é a esquisita e eu sou a legal.

acho que isso bastou.

Anúncios

Etiquetas: , , ,

3 Respostas to “Back in your Head”

  1. Carol Says:

    estupida, no mínimo, a música.

  2. Blaffert Says:

    Na verdade é bem isso, a maioria das pessoas, e não apenas homens, não sabem se comportar diante de algo diferente da própria rotina. O NOFX apesar de ser uma boa banda, é como aquele amigo chato que quando vê meninas se beijando, não entende que ele não se encaixa no contesto, não vai ser incluido, que aquilo não é uma festinha prá ele. São duas pessoas comuns expressando carinho ou amor “uma pela outra”, e isso é natural. Mas como temos uma carga cultural carregada de repressão cristã. Tudo o que foge um pouco ao conceito católico gera essa polêmica absurda, como também piadinhas, musiquinhas imbecis e várias vezes truculência. Gosto de NOFX, mas isso prá mim foi um tiro no pé.

  3. Bárbara Deister Says:

    é Blaffert, foi mesmo um tiro no pé. eu gosto mto de NOFX e realmente nao entendi pq fizeram isso. enfim.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: